Casamentos: centros de mesa que nenhum convidado vai esquecer

A decoração do casamento é, para alguns noivos, motivo de stress. Mas, nada temam! A homy fecha o seu mês dedicado aos casamentos com um post que vai ajudar muito noivos a tomarem decisões sobre um tópico essencial – os centros de mesa.

Os centros de mesa são uma das muitas coisas da to-do list, mas não são de descurar, já que, estando presentes em todas as mesas do copo d’água, vão ter grande visibilidade, até para os mais distraídos.

Muitas vezes, as empresas de catering e seguramente qualquer empresa de decoração e organização de eventos, prestam aconselhamento especializado nesta matéria, mas são os noivos que decidem, por isso há que ter sempre presentes alguns aspectos da decoração do grande dia:

1. Estilo e tema do casamento

Os centros de mesa devem obedecer ao estilo e tema do casamento: rústico, clássico, descontraído, formal, divertido… Os centros de mesa são suficientemente definidores do estilo de decoração de um evento, por isso não crie uma confusão. Poderá, por outro lado, aproveitar estes elementos decorativos para ilustrar o tema do casamento.

2. Visibilidade

Na escolha dos centros de mesa ideiais, não se esqueça que são peças que ficarão no centro da mesa!, ou seja, se forem de uma altura desajustada, poderão tapar a visibilidade entre o convidados do seu casamento.

Em alternativa, poderá optar por centros de mesa baixos ou bastante altos, acima da altura da cabeça dos convidados.

pinterest.com

3. Materiais

As flores são os elementos habitualmente escolhidos para os centros de mesa, mas não são a única hipótese e, nem sempre, a mais adequada.

Como alternativa, poderá optar simplesmente por folhas verdes. Se o copo d’água for de noite, as velas são uma excelente alternativa ou complemento, conferindo uma iluminação acolhedora e romântica. Objectos decorativos, papercrafts podem ser também uma boa opção.

centro de mesa